Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/04/17 às 15h53 - Atualizado em 29/10/18 às 10h45

Vem aí a Campus Party Brasília

COMPARTILHAR

O evento reunirá mais de 4 mil pessoas. Garanta o seu ingresso via http://migre.me/wnyF1

A primeira Campus Party, a ser realizada em Brasília, entre 14 e 18 de junho, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, está na fase de venda de ingressos do lote previsto para o mês de abril. O tema principal desta edição é “Países Inteligentes”.

Em maio, serão vendidos os ingressos do segundo lote, no valor de R$ 250, com camping individual, e, em junho, mês da feira, R$ 280 com o camping.

Os interessados devem adquirir pelo site do evento: http://migre.me/wnyF1. A Campus Party é a maior experiência tecnológica do mundo que reúne jovens geeks em um festival sobre inovação, empreendedorismo, ciências, criatividade e entretenimento.

A Campus Party Brasília terá mais de 250 horas de conteúdos, incluindo atividades nas bancadas, onde os campuseiros podem se conectar à Internet cabeada de alta velocidade – serão 20 GB de velocidade; workshops em dois espaços, com um sobre o Criatividade & Entretenimento e outro para o tema Ciências & Inovação.

Um dos maiores palestrantes de destaques é Matthew F. Reyes, colaborador estratégico da Nasa e da Gopro (ele ajudou a lançar uma câmera no espaço) e empreendedor com mais de 17 anos de experiência no Vale do Silício. Além dele, haverá palestrantes nos palcos inovação, ciências, principal e criatividade e entretenimento.

Na Campus haverá espaços para Hackathons – desafios de desenvolvimento; Freeplay – área de jogos com campeonatos e as novidades na área; e Camping – área onde os campuseiros podem acampar e assim ficar 24 horas curtindo o evento.

Na área open, gratuita, são esperados 40 mil visitantes que poderão curtir campeonato de drones, simuladores, exposição de Startup & Makers, com palestras e oficinas em um palco exclusivo para o tema Startup&Up e Empreendedorismo. E, ainda, uma exposição de projetos universitários que fazem parte do programa Campus Future.

Campus Day Brasília

A Campus Day Brasília foi realizada em 5 de novembro de 2016. As principais palestras podem ser vistas no endereço http://migre.me/vrD7V. O governador Rodrigo Rollemberg participou da abertura do evento, quando reafirmou reabertura da Campus Party Brasília de 2017.

Passaram pela Campus Day Brasília, Paco Ragageles, co-fundador da Campus Party, com a palestra “O futuro do trabalho”; Edson Borelli, especialista em segurança da informação, revelou alguns segredos de como usar o Google e encontrar documentos confidenciais; Luciano Driemeier, gerente de Estratégia do Produto da Ford América do Sul, falou sobre a evolução tecnológica e novas tendências de mobilidade”; Dado Schneider, trouxe uma experiência diferenciada, uma palestra muda do doutor em comunicação e seu manual de sobrevivência para a geração Y em tempos de crise; Clayton Dick, engenheiro criador da plataforma Redação Nota 1000, para desenvolvimento da escrita de alunos a partir do 5º ano do Ensino Fundamental, e o tema “A revolução da educação” e discutiu “como a forma de ensinar e aprender têm ficado cada vez mais acessível, próxima e tecnológica, tanto para professores quanto para os alunos”.

Francesco Farruggia, presidente do Instituto Campus Party e Genésio Gomes, professor que criou o Células Empreendedoras, falaram de metodologias de ensino que visam estimular o empreendedorismo, com foco nas demandas dos alunos e do mercado; e Ana Fontes, da Rede Mulher Empreendedora, falou sobre as mulheres no empreendedorismo no Brasil.

O evento terminou com a palestra de Joseph Olin, midas do entretenimento e criador do jogo Tomb Raider e de uma das principais heroínas do universo gamer – Lara Croft, revelou ao público o grande mercado de games no mundo e deu dicas de como ter acesso a ele com sucesso.

Origem

A Campus Party surgiu na Espanha, em 1997, e é considerado um dos maiores festivais de tecnologia do mundo. Ocorre anualmente na Argentina, na Costa Rica, no Equador, na Holanda, na Itália e no México. Além desses países, foi promovido na Alemanha, na Colômbia, em El Salvador e na Inglaterra.

No Brasil, a primeira edição foi em São Paulo, em 2008, e teve 3,3 mil participantes. No ano seguinte, o número mais que duplicou, reunindo 6.655 pessoas. Desde 2012, Recife também começou a desenvolvê-lo, com cerca de 2 mil inscritos. No ano passado, 12 mil pessoas estiveram na Campus Party nos dois estados — 4 mil em Pernambuco e 8 mil em São Paulo.

Leia também...