Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/02/20 às 15h43 - Atualizado em 10/03/20 às 16h45

Setrab no apoio às vítimas de violência

COMPARTILHAR

Acordo entre Sejus, Setrab e Sebrae visa estimular empreendedorismo de pessoas em situação de vulnerabilidade

Com o objetivo de permitir o desenvolvimento econômico de pessoas inseridas em contexto de violência e situação de vulnerabilidade, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus-DF) assinou nesta quinta-feira (13) um Acordo de Cooperação Técnica com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal (Sebrae/DF) e uma portaria com a Secretaria de Estado de Trabalho (Setrab). A cerimônia ocorreu no Salão Nobre do Palácio do Buriti. A parceria visa garantir igualdade de oportunidades e condições de acesso, remuneração e permanência no mundo do trabalho dessas pessoas.

A Secretaria de Trabalho irá oferecer o microcrédito orientado, Prospera, como forma de apoiar a independência financeira a pessoas vulneráveis ligadas ao programa Pro-Vítima.  O secretário de Trabalho, Thales Mendes. “É uma honra poder levar a essas vítimas um alento, dar a elas uma esperança de um futuro melhor”, explicou.

Durante a solenidade, uma das mulheres vítimas de violência, Sônia dos Santos, 53 anos, atendida pelo Programa Pró-Vítima e participante do Projeto Banco de Talentos, da Sejus, falou da importância das parcerias para o fortalecimento do empreendedorismo feminino e para o resgate de vidas. “Fui casada 32 anos e vivi uma vida de violência. Um dia decidi mudar minha vida, denunciei e hoje eu sei que violência não é só física. Conheci o Pró-Vítima e aprendi a acreditar em mim e buscar coisas que deixei para trás. Comecei a fazer bolos, ter minha renda e ser independente financeiramente. Graças ao apoio que recebi meu projeto cresceu”, ressaltou.

Acordo – O acordo visa a potencialização dos projetos de Empreendedorismo Feminino – Piloto DF e Cidade Empreendedora, de responsabilidade do SEBRAE/DF. E, ainda, incrementar os projetos da Sejus executados pela Subsecretaria de Apoio a Vítimas de Violência: Banco de Talentos; Programa Pró-Vítima; Feira do Empreendedorismo Étnico Racial e Mulheres Empreendedoras, Incubadoras e Aceleradoras Étnicos Raciais.

O secretário de Trabalho, Thales Ferreira e a Diretora Técnica do Sebrae, Rose Rainha, assinaram os documentos firmando as parcerias, junto com o Secretário da Sejus, Gustavo Rocha.

O Programa Prospera é um crédito concedido para o atendimento das necessidades financeiras com intuito de potencializar o crescimento de empreendedores, caracterizados como pessoas físicas ou jurídicas, das áreas urbanas e rurais, que possuem atividades produtivas de pequeno porte. Com juros de 0,7% a/m.

O Prospera bateu o seu próprio recorde. Foram 696 pessoas atendidas e um excepcional montante emprestado, havia previsão de 9 milhões de reais, mas fora alcançado a  marca inédita de R$ 10.458.167,59 (dez milhões, quatrocentos e cinquenta e oito mil, cento e sessenta e sete reais e cinquenta e nove centavos), atingindo a meta de 100% do recurso destinado.