Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/05/16 às 20h36 - Atualizado em 29/10/18 às 10h45

Governo beneficiou 237 microempreendedores com R$ 2,7 milhões

COMPARTILHAR


Este ano, a Secretaria do Trabalho, Mulheres, Desenvolvimento Social, Igualdade Racial e Direitos Humanos já investiu de R$ R$ 2.774.498,17 na manutenção e geração de emprego e renda por meio do Prospera, beneficiando 237 microempreendedores urbanos e rurais.

O oitavo lote de cartas de créditos foi entregue pela Secretaria do Trabalho, Mulheres, Desenvolvimento Social, Igualdade Racial e Direitos Humanos, na segunda-feira, dia 16, para 25 microempreendedores urbanos, no valor de R$ 214.831,00, em reunião realizada na sede da Secretaria Adjunta do Trabalho, que fica no Edifício Guanabara no Setor Comercial Sul.

Na área urbana, os empreendedores informais e formais podem ter acesso a recursos para capital de giro/custeio (exclusivamente para compra de matérias-primas e de mercadorias) e investimento (aquisição de máquinas, equipamentos, móveis e utensílios e construção ou reforma do imóvel de trabalho, desde que próprio e escriturado). Neste lote, o custeio vai a R$ 185.220,00, investimento chega a R$ 6.780,00 e misto fica em R$ 22.831,00.

Os beneficiados do Prospera podem parcelar o empréstimo em até 36 vezes pelo Banco de Brasília, com juros de 0,7 % ao mês, mais prazos de carência.

Até dezembro, a meta do governo de Brasília é investir R$ 11 milhões na geração de emprego e renda do setor de empreendedorismo da cidade. Os interessados nos novos empréstimos do Prospera devem procurar a Agência do Trabalhador do Plano Piloto, que fica no Setor Comercial Sul, Quadra 6 lote 10 e 11, ou a Agência do Trabalhador, que fica no centro de Taguatinga, na Avenida das Palmeiras, Quadra C 4, Lote 3, locais onde ficam as duas Agências de Crédito do Governo de Brasília. É preciso levar documentação do empreendimento e comprovar a atividade desenvolvida.

Leia também...